É só ligar o TURBO; aí PEGA FORTE!! Schin na área (ou na água!)

Ah, os treinamentos vivenciais! Realmente é sempre o melhor dinheiro para se ganhar, não me canso de dizer isso; porque precisamos estudar muito, aí viajamos, passamos um dia andando no meio da mata, atravessando rios, brejos e campos, conhecendo gente boa, rindo bastante e levando boas lembranças para sempre.

Nesse último sábado, dia 17 de outubro, fomos com a turma da Schincariol para a Pousada Lago Verde. O local já era uma história, começamos o trabalho em um salão de festa que poderia comportar – sem exagero – alguns milhares de pessoas. Gigantesco! Para ter uma ideia, o salão tinha três candelabros enormes, e esses candelabros tinham uma luminária central e alguns pingentes ao redor. Para ter uma noção cada pingente desses era quase do meu tamanho. Imagina o candelabro inteiro, imagina a altura disso e imagina o tamanho de um salão que possui três desses!

E lá fomos eu, Walquíria e Kiko, o trio ternura e calafrio, para proporcionar aventura, desafio e provocação para uma turma de altíssima qualidade, vindos de todos os cantos do país, ansiosos por MAIS. Sempre MAIS! Mais uma turma que tivemos o prazer de conhecer e ver que não somos os únicos que vivemos a 250 km/h. Tem mais malucos soltos no mundo.

DSC00251

E durante todo o dia pudemos vivenciar situações realmente inesquecíveis. E não há exagero quando digo isso porque dessa vez enfrentamos matilhas de cães ferozes e assassinos, 35 divisões de vietcongues armados até os dentes, negociações longas e detalhadas, lama até a cintura e muita, mas muita risada.

Pudemos conhecer personagens inesquecíveis como Renata Rastejante (a finada Renata Pamonha), Hamon Braga da Báhiiiiiiiia (difícil reproduzir aquele sotaque na escrita), Angela “Sandalinha”, Hugo – o homem mais veloz do universo (especialmente quando os cães selvagens estão por perto), o pequenino Cleiton, Clay (o homem mais amado do mundo), Eli “Brincadeira”, Thiago BomBaiano e mais um monte de gente magnífica que nos deu imensa satisfação em estar junto.

DSC00268

E dessa vez ousamos ainda mais. Reparem na foto maior que os participantes estão fazendo o nosso tradicional passeio com os olhos vendados, mas dessa vez precisaram atravessar um lamaçal, um brejo, um córrego e cegos! Inesquecível!

E ao final, em uma das atividades “tranquilas” do dia, tivemos a demonstração viva de que se o tempo é escasso, se os recursos são poucos, gente que tem determinação faz acontecer. Ao perceber que o tempo se esgotava rapidamente, André (na foto de camiseta azul com listra amarela na lateral) mostrou como é “fazer acontecer”. Tudo bem que alguns ainda trazem na pele e nos ossos lembranças da decisão do André, mas o resultado foi alcançado e isso é o que mede o sucesso profissional.

DSC00292

Meninada Schin, vocês nos presentearam! E dizer obrigado seria pouco para mostrar a satisfação que ficamos. Viemos no carro comentando cada história e cada momento, cada situação e cada frase marcante, coisas que vão ficar conosco por muito tempo, nos mostrando que mesmo quando existe uma “percepção não boa” a nosso respeito, ainda assim é possível ser campeão.

É só ligar o TURBO; aí PEGA FORTE!!!

Valeu!

 

Há braços!

Eduardo Mesquita

eduardo@ideiadiferente.com

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *